Assim diz o Senhor: Ponde-vos nos caminhos, e vede, e perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho, e andai por ele; e achareis descanso para as vossas almas. Mas eles disseram: Não andaremos nele. Jr. 6:16

"Estou crucificado com Cristo" "Ich bin Mit Cruscificado Christus" "Yo estoy crucificado con Cristo" "Ik ben gekruisigd met Christus" "Я являюсь распят со Христом" キリストと共に十字架につけられています。Je suis crucifié avec le Christ 我是與基督釘在十字架上 אני ונצלב עם המשיח

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

QUEM ESTÁ NO TRONO ?

Paulo César Bornelli
“No ano da morte do rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as abas de Suas vestes enchiam o templo.”

Isaías 6:1

A grande necessidade da Igreja hoje, é ter uma visão de Deus no trono, um Deus soberano que tudo criou para Sua própria glória. Um Deus que não é limitado pela pretensa “autonomia humana”. Pois um deus limitado, jamais pode satisfazer as necessidades do homem pecador.  A falta de um conhecimento da majestade de Deus, tem sido a causa de nossa confusão teológica e da conduta doentia das igrejas. Hoje o pragmatismo, uma ênfase exagerada em experiências, nos leva a uma ênfase errada, nos conduz a procurar um deus que funcione e faça a vida dar certo. Nosso relacionamento com Deus tem sido utilitário. Não estamos procurando intimidade, mas funcionalidade. Como crianças, preferimos os presentes e não a presença do pai.
A ausência de uma teologia bíblica tem sido a causa de toda esta confusão. Dizem que um Deus soberano limita a liberdade humana, deixando o homem no limiar de um robô. Não temos compreendido que o que nos torna realmente humanos, não é o humanismo, mas sim o cristianismo. Não temos percebido que por trás de toda rejeição ao ensino, a doutrina, a teologia, é resultado de um princípio definido que foi proposto no Éden por Satanás, que é a autonomia humana, isto é, o homem ser a sua própria lei e seu único referencial.
Só uma visão de Deus no trono, da Sua majestade, da Sua soberania, só um conhecimento dos Seus atributos, da Sua santidade, pode nos salvar da autonomia humana, travestida de humanismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui!

Pages