Assim diz o Senhor: Ponde-vos nos caminhos, e vede, e perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho, e andai por ele; e achareis descanso para as vossas almas. Mas eles disseram: Não andaremos nele. Jr. 6:16

"Estou crucificado com Cristo" "Ich bin Mit Cruscificado Christus" "Yo estoy crucificado con Cristo" "Ik ben gekruisigd met Christus" "Я являюсь распят со Христом" キリストと共に十字架につけられています。Je suis crucifié avec le Christ 我是與基督釘在十字架上 אני ונצלב עם המשיח

sábado, 11 de junho de 2011

Satanás entre os santos


 Charles Spurgeon



"Certo dia os anjos vieram apresentar-se e Satanás também veio com eles" (Jó 1.6).

É inútil perguntar que dia foi esse - talvez tenha sido um sábado especial guardado tanto na terra como no céu, um dia de convocação solene. Nos primeiros tempos, os piedosos se reuniam com seu Senhor como seu centro. Tanto no céu como na terra, eles se reúnem assim: a comunhão dos santos é uma. Ai de nós! Como entrou logo o mal junto com os justos! Não era necessário que o diabo tivesse estado no céu, mas olhando para baixo a partir do céu o Senhor viu Satanás se misturando com aqueles que o adoravam, e ele tinha uma palavra para ele. Numa congregação bem-ordenada até os maus têm sua posição.
Pela presença de Satanás entre os filhos de Deus nós aprendemos:

1. QUE O MERO REUNIR-NOS COM O POVO DE DEUS NÃO É DE VALOR ALGUM.
1. Muito claramente, não é culto aceitável a Deus: pois nada que Satanás faz pode ser aceito. Sua presença entre os filhos de Deus é audácia, é presunção, e não reverência.
2. Não é benéfico à própria pessoa, pois o espírito caído permaneceu um diabo, e atuava como um, mesmo na presença de Deus. Precisamos chegar ao Senhor pela fé, se não nosso culto é uma morte e não proveitoso.

3. Pode ser a ocasião de mais pecado; pois na assembléia Satanás desvirtuou Jó, e maquinou a sua destruição.
Disso aprendemos:

II. QUE AS MELHORES ASSEMBLEÍAS NÃO ESTÃO LIVRES DE ELEMENTOS MAUS.
1. Isso deve fazer-nos continuar a nos reunir com os santos mesmo que conheçamos alguns na assembléia que são falsos à sua profissão. Devem os filhos de Deus parar de se reunir porque Satanás pode entrar entre eles?
2. Isso deve causar um grande exame do coração e logo a pergunta, "Senhor, sou eu?" Dos doze apóstolos um era um demônio, e ele estava com o Senhor na sua ceia de despedida.
3. Isso deve nos fazer vigilantes mesmo enquanto estamos orando.
4. Isso deve fazer os pastores fiéis, para que o diabo não se sinta em casa na congregação, mas fique irritado pela verdade que ele detesta.
5. Isso deve nos fazer ansiar pela assembléia perfeita lá em cima onde não haverá mistura, e sim uma congregação sem pecado.

III. QUE SATANÁS PODE SE REUNIR COM OS FILHOS DE DEUS.
1. Para fazer dano a santos:
- Acusando-os perante o Senhor, até em suas coisas santas.
- Distraindo seus pensamentos de interesses celestiais e fazendo-os pesados de coração e distraídos com preocupações.
- Botando-os para criticar em vez de ouvirem para sair ganhando.
- Semeando dissensão até no seu culto santo.
- Incentivando orgulho em pregadores, em cantores, naqueles que oram em público e naqueles que contribuem. Isso se mostra em diferentes pessoas em seu estilo, seu tom, sua roupa.
- Esfriando o entusiasmo deles, abatendo seu amor, esfriando seu louvor, gelando sua oração, e, em geral, matando seu zelo e alegria.
2. Para fazer dano a ouvintes não convertidos:
- Distraindo a atenção da fé salvadora.
- Levantando dúvidas, sugerindo idéias céticas, levantando perguntas escuras, e pondo o homem adiante do Mestre.
- Sugerindo protelação para aqueles que podem estar bem impressionados.
- Extinguindo a oração, impedindo o prazer, evitando o proveito, matando o sentimento e roubando de Deus a glória.
- Tirando a palavra que tinha sido semeada, como pássaros que apanham a semente espalhada pela rodovia.

IV. QUE É POSSÍVEL SER TANTO MAIS SATÂNICO POR ESTAR SE REUNINDO COM OS FILHOS DE DEUS.
Satanás mostrou seu verdadeiro caráter naquela reunião sagrada mais do que nunca.
1. Ele foi abertamente descarado com seu Criador.
2. Ele afrontou as pessoas de Deus, até um dos melhores deles, a quem o Senhor mesmo chamou de perfeito.
3. Ele resolveu tentá-lo, torturá-lo e levá-lo à rebelião contra Deus, se ele pudesse.
- O diabo está aqui neste momento.
- Não vamos ceder às sugestões dele.
- Clamemos ao Senhor imediatamente e confiemos no Senhor Jesus, que pode preservar-nos deste perpetrador do mal, mesmo quando ele está presente.

ADENDA
Logo que o semeador sai a semear sua semente, as aves saem também. Quanto mais o bem é feito em qualquer lugar, mais certo será Satanás fazer oposição. Provocações incomuns serão dadas a professores mornos por aqueles cujo zelo é provocado, e então haverá contendas petulantes. Mesmo durante um reavivamento, irmãos mal-humorados tomarão ofensa, pois as coisas poderão estar um pouco fora da ordem regular; e aqui está outra raiz de amargura. Um número maior de hipócritas irá à frente, assim como lesmas saem rastejando em dia de chuva. Amargura descomum será sentida por pessoas do mundo, e, em conseqüência, difamações virão contra os assaltantes mais ativos do reino do inimigo. Não se pode destruir o ninho de vespas sem ser atacado por sua vez. Contudo, isso é melhor do que a estagnação. Numa igreja que dorme, é o trabalho principal do adversário agitar as coisas, calar todo o barulho e espantar até uma mosca que possa pousar no rosto de alguém que está dormindo; o maior medo de Satanás é que a igreja seja acordada de seu sono sonhador.

Visto que Satanás entrará em nossas assembléias, cabe a nós vermos (1) que nenhum de nós o traga em nossa companhia; (2) que ninguém dê lugar a ele quando ele entra no meio da congregação; (3) que, como Abrão com as aves famintas, nós consigamos espantá-lo para sair, ou (4) que oremos com ainda mais sinceridade "Livra-nos do mau".

George Marsh, que foi martirizado no reinado da rainha Mary, numa carta a alguns amigos de Manchester, escreveu: "Os servos de Deus não podem em tempo nenhum chegar e se colocar de pé diante de Deus, isto é, levar uma vida piedosa, e caminhar inocentemente diante de Deus, que Satanás não venha também entre eles, isto é, ele diariamente acusa, aflige, persegue, e atenaza os piedosos, pois é da natureza e atributo do diabo sempre prejudicar, e fazer mal, a não ser que esteja proibido por Deus; mas a não ser que Deus o permita, ele nada pode fazer, nem entrar num porco imundo" (Livro dos Mártires, de Fox).

Satanás passou-se em revista no fim daquele sábado? Será que sentiu qualquer sombra de remorso por ter desafiado o seu Criador, ter penetrado no meio dos santos e ter feito mal a eles no Palácio de seu próprio Pai? Supomos que não. Mas ouvintes, que não são de Satanás, fariam bem aceitar de coração o caráter de qualquer um dos dias de seu Senhor como Deus o vê. Pecados do Dia do Senhor bem pesados e estudados fornecem material de sobra para arrependimento. Talvez se este tema fosse bem aplicado à consciência, pudesse despertar o coração à penitência e levá-lo à fé.

Lutero estava em grande perigo de ser apunhalado por um judeu; mas um amigo lhe mandou um retrato do assassino, e assim ele ficou prevenido. Nós deveríamos ficar prevenidos por sermos avisados de antemão. O grande inimigo não pode agora lançar-se sobre nós de súbito enquanto estamos ocupados com nossas devoções, pois não estamos desavisados de seus estratagemas. Somos mandados vigiar além de orar, para vigiar tanto como orar, para vigiar antes de orar, e vigiar quando nós oramos.

FONTE:   Esboços Bíblicos de Gênesis a Apocalipse - volume 2 . reproduzido pelo Projeto Spurgeon com permissão da Shedd Publicações: proibida reprodução dessa postagem sem citar essa fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui!

Pages